Download E-books Harry Potter e o Cálice de Fogo (Série de Harry Potter) (Portuguese Edition) PDF

By J.K. Rowling

Harry Potter nem quer acreditar na sua sorte! Afinal não vai ter de aturar os Dursleys até ao início do seu 4to ano em Hogwarts. Graças à taça Mundial de Quidditch vai passar os últimos 15 dias de férias na companhia dos Weasleys e do seu amigo Ron. Mas a verdade é que nem tudo vai correr pelo melhor para o nosso herói. Quando Harry começa a sentir a sua cicatriz a doer terrivelmente, sabe que Lord Voldemort está de novo a rondá-lo e a ganhar poder. A marca da morte, que apareceu no céu, não pode significar outra coisa...Entretanto, este é um ano muito especial para Hogwarts, pois é lá que se irá realizar o célebre Torneio dos Três Feiticeiros, no qual Harry vai desempenhar um papel decisivo e que quase lhe irá custar a vida!!

Show description

Read or Download Harry Potter e o Cálice de Fogo (Série de Harry Potter) (Portuguese Edition) PDF

Best Magic books

Angel's Ink: The Asylum Tales

“A lot of enjoyable, with a complete new tackle the darkish city myth. vivid and breezy, with interesting characters, and a history with hidden depths. Drake places the ink in superb. ”—Simon R. Green“Angel’s Ink is an other-earthly mix of magic and expertise within the most sensible culture of city delusion that refused to permit me cross.

The Hero and the Crown

A Newbery Medal WinnerAlthough she is the daughter of Damar's king, Aerin hasn't ever been authorized as complete royalty. either out and in of the royal court docket, humans whisper the tale of her mom, the witchwoman, who used to be acknowledged to have enspelled the king into marrying her to get an inheritor to rule Damar-then died of melancholy while she came upon she had borne a daughter rather than a son.

The Thinking Woman's Guide to Real Magic: A Novel

“If Hermione Granger were an American who by no means obtained a call for participation to Hogwarts, this could were her tale. ” —PeopleEarning comparisons to wildly renowned delusion novels through Deborah Harkness and Lev Grossman, Emily Croy Barker’s captivating debut bargains an clever get away right into a richly imagined global.

King of the Murgos (The Malloreon, Book 2)

Guided through the Orb of the God Aldur, Garion and Ce'Nedrea commence an outstanding quest to rescue their abducted baby. Making their approach in the course of the foul swamps of Nyisssa, then into the lands of the Murgos, they have to eventually face a terrible danger--to themselves and all mankind. .. .

Additional resources for Harry Potter e o Cálice de Fogo (Série de Harry Potter) (Portuguese Edition)

Show sample text content

Disse a Sra. Weasley carinhosamente. ? Se voc? me deixasse... ? N? o, mam? e. A chuva a? oitava a janela da sala de estar. Hermione lia, absorta, O livro padr? o de feiti? os, 4a s? rie, que a Sra. Weasley comprara para ela, Harry e Rony no Beco Diagonal. Carlinhos cerzia um gorro ? prova de fogo. Harry dava polimento na Firebolt, o estojo para manuten?? o de vassouras que Hermione lhe dera no d? cimo terceiro anivers? rio aberto aos seus p? s. Fred e Jorge estavam sentados no canto mais afastado, de penas na m? o, conversando aos cochichos, as cabe? as curvadas sobre um peda? o de pergaminho. ? Que ? que voc? s dois est? o aprontando? ? perguntou a Sra. Weasley rispidamente, os olhos nos g? meos. ? Dever de casa ? disse Fred vagamente. ? N? o seja rid? culo, voc? s ainda est? o de f? rias ? disse a m? e. ? Deixamos este para depois ? disse Jorge. ? Por acaso voc? s n? o est? o preparando um novo formul? rio, est? o? ? perguntou a Sra. Weasley perspicaz. ? Por acaso n? o estariam pensando em recome? ar as ? Gemialidades? Weasley? ? Ora, mam? e ? disse Fred erguendo os olhos para a m? e, uma show? o mortificada no rosto. ? Se o Expresso de Hogwarts bater amanh? e Jorge e ecu morrermos, como ? que voc? iria se sentir sabendo que a ? ltima coisa que ouvimos de voc? foi uma acusa?? o sem fundamento? Todos riram, at? mesmo a Sra. Weasley. ? Ah, seu pai est? chegando! ? disse ela de repente, olhando mais uma vez para o rel? gio. O ponteiro do Sr. Weasley de repente girou de ? trabalho? para ? viagem? ; um segundo depois parou estremecendo em ? casa? junto aos demais, e todos o ouviram chamar da cozinha. ? Estou indo, Arthur! ? respondeu a mulher, saindo correndo da sala. Mais alguns minutos e o Sr. Weasley entrava na sala aquecida, trazendo o jantar numa bandeja. Parecia completamente exausto. ? Bom, agora a coisa est? realmente pegando fogo ? comentou ele com a Sra. Weasley, sentando-se numa poltrona junto ? lareira e brincando desanimado com uma por?? o murcha de couve-flor. ? Rita Skeeter andou fu? ando a semana inteira, procurando mais bobagens ministeriais para denunciar. E agora descobriu que a coitada da velha Berta est? desaparecida, ent? o isso vai ser a manchete de amanh? no Profeta. european disse a Bagman que ele devia ter mandado algu? m procur? -la h? s? culos. ? O Sr. Crouch vem dizendo isso h? semanas seguidas ? disse Percy depressa. ? Crouch tem muita sorte de Rita n? o ter descoberto nada sobre a Winky ? retrucou o Sr. Weasley irritado. ? Haveria uma semana de manchetes com a hist? ria do elfo dom? stico; dele ter sido apanhado segurando a varinha que conjurou a Marca Negra. ? Acho que todos concordamos que o elfo, embora irrespons? vel, n? o conjurou a Marca? ? disse Percy inflamado. ? Se voc? quer saber, o Sr. Crouch tem muita sorte que ningu? m no Profeta Di? rio saiba como ele ? ruim para os elfos! ? disse Hermione zangada. ? Agora, olha aqui, Hermione! ? retrucou Percy. ? Um funcion? rio de primeiro escal? o no Minist? rio como o Sr. Crouch merece obedi? ncia cega dos seus criados... ? Dos seus escravos, voc? quer dizer! ? falou Hermione com a voz muito aguda. ? Porque ele n? o paga va sal? rioa Winky, n?

Rated 4.07 of 5 – based on 13 votes

About the Author

admin